Soluções de Elevação, Unipessoal, Lda. (Soluções Geda)
Informação para a Indústria de Construção Civil, Obras Públicas e setor mineiro

Construção: BEI concede empréstimo de 250 milhões de euros para modernizar as infraestruturas de Lisboa

26/07/2022

O Banco Europeu de Investimento (BEI) e o Município de Lisboa assinaram o contrato relativo à última parcela de 90 milhões de euros de um empréstimo-quadro de 250 milhões de euros, concedido ao abrigo do Plano de Investimento para a Europa, com o objetivo de melhorar a regeneração urbana na cidade. Além de ter um forte foco na inclusão social, o projeto também ajudará Lisboa a combater as alterações climáticas.

Parte do apoio financeiro do Banco da União Europeia (UE) será canalizado para a modernização do sistema municipal de drenagem e contribuirá para reforçar a resiliência de Lisboa às alterações climáticas, melhorando a sua capacidade de resposta a fenómenos meteorológicos extremos, como inundações e tempestades.

foto

O empréstimo do BEI beneficia de uma garantia do orçamento da UE. O projeto financiado por este empréstimo-quadro do BEI terá um impacto positivo direto na vida das pessoas que residem e trabalham em Lisboa. Abrange infraestruturas urbanas em determinadas áreas da cidade com vista a melhorar a qualidade dos espaços públicos e a concluir a reabilitação da zona ribeirinha da capital portuguesa.

Nas palavras de Ricardo Mourinho Félix, vice-presidente do BEI, "o investimento no desenvolvimento sustentável das cidades contribui para criar um ambiente menos poluído e mais agradável para as populações urbanas. O empréstimo de 90 milhões de euros para o município de Lisboa ajudará a cidade a combater as alterações climáticas e a preparar-se melhor contra eventos climáticos severos, como inundações e tempestades. Este financiamento da UE surge numa altura em que as cidades se deparam com vários desafios fundamentais e o BEI orgulha-se de fazer parte da solução, com benefícios visíveis e tangíveis para os cidadãos de Lisboa hoje, mas também para as gerações futuras.”

Paolo Gentiloni, Comissário Europeu para a Economia, disse: “As condições meteorológicas extremas estão a causar morte e destruição em Portugal e em muitas outras partes da Europa neste verão: são um lembrete gritante da necessidade urgente de ação para mitigar o crescente impacto das alterações climáticas. Aumentar a resiliência climática das nossas cidades é uma prioridade fundamental e este último apoio da UE a Lisboa é particularmente importante neste contexto.”

O Presidente da Câmara de Lisboa, Carlos Moedas, afirmou: “O apoio do BEI vai permitir-nos desenvolver um dos projetos mais críticos na nossa cidade para mitigar uma das mais sérias consequências das alterações climáticas: as inundações. Queremos reforçar a parceria estratégica do Município de Lisboa com o BEI em áreas tão decisivas como a sustentabilidade e ação climática, economia azul, inovação e habitação social”.

Apoio da Comissão Europeia

O Plano de Investimento para a Europa constitui um dos pilares da estratégia da Comissão Juncker para apoiar os investimentos e relançar o crescimento e o emprego na Europa. O BEI, enquanto parceiro estratégico da Comissão, pode assim apoiar projetos inovadores e de maior risco.

Eleva-se a 48 o número de projetos e acordos de financiamento assinados em Portugal ao abrigo do Plano de Investimento para a Europa, com um financiamento total de 4 mil milhões de euros, que deverá mobilizar mais de 13,5 mil milhões de euros.

Para mais informações sobre o Plano de Investimento para a Europa em Portugal, aceda aqui.

STET

Subscrever gratuitamente a Newsletter semanal - Ver exemplo

Password

Marcar todos

Autorizo o envio de newsletters e informações de interempresas.net

Autorizo o envio de comunicações de terceiros via interempresas.net

Li e aceito as condições do Aviso legal e da Política de Proteção de Dados

engeobras.pt

Engeobras - Informação para a Indústria de Construção Civil, Obras Públicas e setor mineiro

Estatuto Editorial